Cadastro único: Aprenda a se inscrever e ter benefícios.

  • Post author:
  • Post last modified:25/10/2022
  • Reading time:6 minuto(s) de leitura
  • Post category:BENEFICIOS

O Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) foi criado pelo Governo Federal com o objetivo de facilitar o acesso às políticas públicas sociais. O programa tem como cadastro único a família, ou seja, todos os membros da família que forem beneficiários devem estar cadastrados no programa.

Para se inscrever no CadÚnico, é preciso primeiro ir até uma Agência de Cadastro Único. Lá, você deverá preencher um formulário com as suas informações pessoais e familiares. Após o preenchimento do formulário, você receberá um número de inscrição, que será o seu identificador no programa.

Com o número de inscrição em mãos, você já poderá acessar os benefícios do CadÚnico. Para isso, basta comparecer a uma das agências do programa e informar o seu número de inscrição.

Quer saber mais benefícios e como se inscrever no Cadastro Único? Continue lendo!

Como funciona o CadÚnico?

O Cadastro Único é um programa muito importante para aqueles que precisam de ajuda do Governo Federal. Ele facilita o acesso às políticas públicas sociais e garante que todos os membros da família beneficiária estejam cadastrados no programa.

Para se inscrever no Cadastro Único, basta comparecer a uma das Agências do programa e preencher o formulário. Lembre-se de informar o seu número de inscrição sempre que for solicitar um benefício

O Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) é o instrumento usado pelo Governo Federal para o reconhecimento das famílias de baixa renda e elegibilidade aos programas sociais. O CadÚnico foi criado em junho de 1994, por meio da Lei nº 8.742, e regulamentado pelo Decreto nº 2.181, de de julho de O objetivo do Cadastro Único é simplificar o processo de identificação das famílias beneficiárias dos programas sociais, uma vez que as informações são consolidadas em um banco de dados único. Além disso, o Cadastro Único possibilita o cruzamento das informações entre os diversos programas sociais, a fim de evitar duplicidade nos benefícios recebidos pelas famílias.

Como se inscrever no Cadastro Único

O Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal – CadUnico, é o instrumento usado pelo Governo Federal para a seleção de beneficiários de programas sociais como o Bolsa Família.

Para se inscrever no Cadastro Único, a família deve comparecer a uma unidade da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) munida com os seguintes documentos: RG e CPF dos responsáveis pelos dependentes; comprovante de residência; declaração de escolaridade; certidão de nascimento ou casamento; certidão negativa conjugal; e declaração de composição familiar.

O endereço e o telefone da unidade podem ser obtidos no site da SAS ou pelo 0800-707-Documentos necessários:

• RG, CPF e comprovante de residência;

• Certidão de nascimento ou casamento;

• Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS); 

• Declaração/Atestado de Escolaridade; 

• Certificado de Alistamento Militar (CAM) – homens maiores de anos;   

• Comprovante recente (até meses) do Número de Identificação Social – NIS/PIS/PASEP;    

• Título de Eleitor e comprovante recente (até meses) de votação;   

• Caderno de Saúde da Família – CSF (apenas em alguns municípios).

Além dos documentos acima, também serão solicitados os documentos dos dependentes que moram na mesma residência, inclusive certidões negativas ou positivas com data anterior a dias em relação à data do atendimento. Para os menores que não possuem CPF, será necessária a apresentação da certidão negativa ou positiva. Se for menor sob tutela, também será necessária a apresentação da certidão que comprove tal situação judicial.

Benefícios que podem ser solicitados com CadÚnico

Como já falamos, o programa tem como objetivo cadastrar todas as famílias brasileiras de baixa renda para facilitar o acesso aos auxílios e benefícios sociais do governo.

Uma vez cadastrado, o beneficiário receberá um Número de Identificação Social (NIS), que será utilizado para acessar os auxílios e benefícios a que tem direito. 

Alguns dos benefícios que podem ser obtidos com o Cadastro Único são:

  • Auxílio Maternidade: Tanto para mulheres que estão desempregadas e sem renda, quanto para mulheres que são MEI ou autônomas. 
  • Auxílio Brasil: benefício de R$600 reais para as famílias de baixa renda que recebem esse valor mensalmente para complementar a renda
  • Vale gás: benefício que varia de acordo com o valor do botijão de gás e pode chegar até R$300 reais por família. É pago a cada 2 meses pelo período de 5 anos. 
  • Desconto na conta de Luz: descontos entre 10% a 65% e que podem deixar a conta de luz das famílias em vulnerabilidade financeira mais barata. 

Clique aqui para conhecer mais do CadÚnico